???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/853
Tipo do documento: Dissertação
Título: Histórias e memórias da vida em comunidade: os processos sociais de educação entre descendentes de ucranianos em Jesuíno Marcondes, Prudentópolis – PR
Título(s) alternativo(s): Histories and memories from life in to community: educational social processes among Ukrainian descendants in Jesuíno Marcondes, Prudentópolis - PR
Autor: ZAZULA, MARIELLE 
Primeiro orientador: Melo, Alessandro de
Resumo: Esta dissertação busca discutir e analisar as práticas sociais através das quais os integrantes da comunidade rural de Jesuíno Marcondes, localizada em Prudentópolis, no Paraná, constituíram suas experiências, conhecimentos, cultura e identidade, enfim, sua educação. Para ter acesso a estas práticas que estão difusas no grupo, decidimos coletar as memórias dos mais velhos, daqueles que conhecem e vivem a mais tempo na comunidade. Para tanto, dentre as várias possibilidades de uso da história oral, optamos pelas histórias de vida, uma vez que acreditamos que se aprende não apenas na escola, mas no decorrer de toda a existência. Neste sentido, as próprias histórias de vida são memórias da educação, pois tudo o que é relatado pelos depoentes foi por eles aprendido em algum momento da vida. A coleta destas histórias se deu ainda como a tentativa de um resgate da história social da comunidade para que esta não caia no esquecimento. A mesma foi tecida pelas palavras dos próprios moradores, que fazem parte da camada popular na hierarquia socioeconômica. Deste modo, a coleta das histórias de vida se mostrou também como atividade de cunho político, no sentido de contribuir para uma construção mais democrática da história, buscando o rompimento com a ideologia dominante, uma vez que esta geralmente traz apenas os fatos considerados importantes pela classe abastada na sua visão de progresso, desconsiderando a memória das pessoas comuns, que fazem parte da história, mas que dela são omitidas. Buscamos assim mostrar que as pessoas comuns também fazem a história, sendo sujeitos ativos neste processo. Cabe salientar que a comunidade em questão foi colonizada por imigrantes ucranianos, em fins do século XIX e limiar do século XX, até hoje os descendentes cultivam seus costumes e crenças, que compõe a identidade dos mesmos. Estes imigrantes não vieram sós, fazem parte de um amplo contingente de etnias chegadas ao Brasil no período denominado de “grande imigração” (1860-1930). No geral, o texto está dividido em quatro partes fundamentais. No primeiro capítulo tratamos da grande imigração, afunilando a questão para a imigração ucraniana á Prudentópolis, e por fim a constituição da comunidade rural de Jesuíno Marcondes. No segundo capítulo, tratamos das memórias e histórias de vida, metodologia selecionada para a pesquisa. No terceiro capítulo, colocamos na íntegra a transcrição de seis histórias de vida coletadas na comunidade. No último capítulo, dentre as infindáveis possibilidades de análise destas memórias, elencamos a categoria educação, que compreendemos de um modo amplo, para além da escolarização. Obtivemos como resultados, que apesar dos limites impostos, as memórias contribuem para a reconstrução histórica de espaços e práticas coletivas realizadas no passado, trazendo ricos dados a serem utilizados em análises e pesquisas sobre educação.
Abstract: The objective of this dissertation is to discuss and to analysis social practices which members from Jesuíno Marcondes rural community in Prudentópolis, Paraná have composed their experiences, knowledge, culture and identity, in other words, their education. We decided to hear older people’s memories who has lived during more years in the community to know widespread practices. In middle of many possibilities of oral history we chose life histories since we believe they are not only learnt in schools but during all existence. In these terms, own life histories are education memories because everything people told was learnt in some moment in their life. Hearing these histories also was to save the social history of the community to be not forgotten. Histories were told by members who take part of the popular layer in socioeconomic hierarchy. So to hear these life histories was a political action because it helps to construct a more democratic History trying to break the dominant ideology that generally only considers as important what the wealthy layer thinks is progress ignoring common people’s memories that take part of the History and are skipped. Our objective was to demonstrate that common people also are part of the History as alive and kicking people in this process. It is important to say that the studied community was colonized by Ukrainian immigrants between the end of 19th century and beginning of 20th century and until nowadays descendants hold their mores and beliefs that compose their identity. These immigrants did not come alone, they took part of a wide contingent of ethnicities arrived in Brazil during the period called “the big immigration” (1860-1930). In general, our text is divided in four fundamental parts. In the first chapter we talked about the big immigration specifically the Ukrainian immigration to Prudentópolis and the constitution of the Jesuíno Marcondes rural community. In the second chapter we talked about the methodology of this research, the memories and life histories. In the third chapter we presented six complete transcriptions of life histories heard from members of the community. In the last chapter, in middle of unending possibilities of analysis of these memories, we chose the category education which one we understand it is more than just schools. Results were, although some limits, memories contribute to historical reconstruction of spaces and collective practices carried out in the part. It gives important information to analysis and researches about education.
Palavras-chave: Comunidade rural de Jesuíno Marcondes
Processos sociais de educação
Memórias
Descendentes de ucranianos
Jesuíno Marcondes rural community
Educational social processes
Memories
Ukrainian descendants
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual do Centro-Oeste
Sigla da instituição: UNICENTRO
Departamento: Unicentro::Departamento de Ciências Humanas, Letras e Artes
Unicentro::Departamento de Pedagogia
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado - Irati)
Citação: ZAZULA, MARIELLE. Histórias e memórias da vida em comunidade: os processos sociais de educação entre descendentes de ucranianos em Jesuíno Marcondes, Prudentópolis – PR. 2016. 220 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Educação - Mestrado - Irati) - Universidade Estadual do Centro-Oeste, Guarapuava - PR.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/853
Data de defesa: 31-Mar-2016
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado - Irati)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MARIELLE ZAZULA.pdfMARIELLE ZAZULA11,85 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.