???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/1640
Tipo do documento: Dissertação
Título: A DESPOTENCIALIZAÇÃO DA CULTURA INFANTIL E DA FORMAÇÃO: UMA ANÁLISE ADORNIANA DOS DESENHOS ANIMADOS “EDUCATIVOS”
Autor: LOBACHINSKI, JOSIANE APARECIDA DE LIMA 
Primeiro orientador: Neuvald, Luciane
Resumo: O presente estudo investigou os mecanismos empregados pela indústria cultural para despotencializar a formação infantil, promovida pelos desenhos animados. A hipótese consiste na relação entre o enfraquecimento da cultura, da subjetividade e da autonomia infantil e a despotencialização formativa da infância. Assim, a problematização do objeto de pesquisa considerou as seguintes questões: A televisão e os desenhos animados, no âmbito da Teoria Crítica adorniana, podem ser formativos e/ou pedagógicos? O objetivo geral da pesquisa, consistiu em analisar os desenhos animados considerados como educativos e que são exibidos nos canais fechados e na TV Cultura. Esse objetivo geral se desdobrou em quatro objetivos específicos: levantar a bibliografia referente à Teoria Crítica Adorniana, a fim de refletir sobre os conceitos de indústria cultural, semiformação, formação e emancipação nessa perspectiva; estabelecer as categorias que definem, de acordo com o referencial teórico utilizado, um programa como educativo; Investigar quais os conteúdos educativos que são promovidos pelas programações infantis; explicitar as alternativas de resistência diante desses apelos televisivos ao público infantil. A presente pesquisa fundamentou-se em uma revisão bibliográfica, pautada no referencial teórico da Teoria Crítica adorniana e de seus seguidores, dentre outras literaturas que discorrem acerca da constituição das culturas infantis. A metodologia empregada para a pesquisa foi organizada da seguinte forma: primeiro, selecionamos três desenhos animados Peppa Pig, Blazes and the Monster Machines e Show da Luna, todos veiculados pela TV Cultura, uma emissora que se qualifica como educativa. Em seguida, elegemos alguns episódios de cada desenho. Os desenhos foram analisados em suas especificidades, para isso, empregamos algumas categorias, como a música, estereótipos, relação entre ficção e realidade, relação entre ficção e imaginação, jargões, ordem fixa (padronização), pseudointeração, descontinuidade, ambiguidade e ausência de conceitos, com o intuito de determinarmos os instrumentos de controle ambicionado pela inflexível corporação da cultura de massa. Posteriormente, estabelecemos um paralelo a fim de analisar os aspectos em comum que validam a hipótese da pesquisa, ou seja, de que os programas “educativos” não são formativos, pois essa finalidade é irreconciliável com o modus operandi dos programas televisivos. No decorrer de nossa pesquisa, foi possível comprovar a hipótese inicial, de que os desenhos analisados não possuem um caráter educativo, uma vez que seu conteúdo e forma reforçam o logro que caracteriza a razão no processo de desenvolvimento burguês, adulterando a essência da formação.
Abstract: This study aims to investigate the mechanisms used by the cultural industry to weakening children's education, promoted by cartoons. The hypothesis is relationship between the weakening of culture, refer subjectivity and child autonomy and the formative weakening of childhood. Thus, the problem of the research object considered the following questions: Can television and cartoons, within the scope of Adornian Critical Theory, be formative and / or pedagogical? The general objective of this research went to analyze the cartoons considered as educational and which are shown on closed channels and TV Cultura and was separated in four specific objectives: to raise the bibliography on the Adorn Critical Theory, in order to reflect on the concepts of cultural industry, semi formation, formation and emancipation in this perspective; establish the categories that define, according theoretical framework used, a program as educational; Investigate which educational content is promoted by children's programs; clarify the resistance alternatives due to television calls to children. This research was based on bibliographic review, based on theoretical framework of Adornian Critical Theory and its followers, among other literature that discuss the constitution of children's cultures. The methodology used for the research was organized as follows: first, we selected three cartoons Peppa Pig, Blazes and Monster Machines and Luna Show, all broadcast by TV Cultura, a broadcaster that qualifies as educational. Then we chose some chapters of each cartoon and went analyzed according their specificities. For this, we used some categories, such as music, stereotypes, relation between fiction and reality, relation between fiction and imagination, jargon, fixed order (standardization), pseudo interaction, discontinuity, ambiguity and lack of concepts, in order to determine control instruments desired by inflexible corporation of mass culture. Subsequently, we established a parallel in order to analyze the common aspects that validate the research hypothesis, the “educational” programs are not formative, since this purpose is incompatible with modus operandi of television programs. During our research, it went possible to prove the initial hypothesis that cartons analyzed do not have an educational character, since their content and form reinforce the deception that characterizes reason in the process of bourgeois development, modifying the essence of formation.
Palavras-chave: Teoria Crítica
Indústria Cultural
Semiformação
Educativo
Cultura Infantil
Desenho Animado.
Critical Theory
Cultural Industry
Semi formation
Educational
Children's Culture
Cartoon
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual do Centro-Oeste
Sigla da instituição: UNICENTRO
Departamento: Unicentro::Departamento de Ciências Humanas, Letras e Artes
Programa: Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado - Irati)
Citação: LOBACHINSKI, JOSIANE APARECIDA DE LIMA. A DESPOTENCIALIZAÇÃO DA CULTURA INFANTIL E DA FORMAÇÃO: UMA ANÁLISE ADORNIANA DOS DESENHOS ANIMADOS “EDUCATIVOS”. 2019. 189 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Educação - Mestrado - Irati) - Universidade Estadual do Centro-Oeste, Guarapuava - PR.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/1640
Data de defesa: 25-Sep-2019
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação (Mestrado - Irati)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JOSIANE APARECIDA DE LIMA LOBACHINSKI.pdfDissertação - JOSIANE APARECIDA DE LIMA LOBACHINSKI7 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.