???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/1270
Tipo do documento: Dissertação
Título: DIVERSIDADE ALFA E BETA DE PEQUENOS MAMÍFEROS NÃOVOADORES DA MATA ATLÂNTICA NO SUL DO BRASIL
Título(s) alternativo(s): Alpha and beta diversity of small non-flying mammals of the Atlantic Forest in southern Brazil
Autor: Stürmer, Fabiana de Fátima 
Primeiro orientador: Miranda, João Marcelo Deliberador
Resumo: O entendimento dos padrões de biodiversidade dos pequenos mamíferos não-voadores da Mata Atlântica é de fundamental importância para a conservação deste bioma. Porém, esses padrões ainda não são totalmente compreendidos, principalmente em relação as diferentes métricas de diversidade. A partir disso, este estudo objetivou: analisar a diversidade alfa de uma assembleia de pequenos mamíferos não-voadores de um fragmento de Floresta Ombrófila Mista; avaliar a diversidade alfa e beta de assembleias de pequenos mamíferos não-voadores na Mata Atlântica do sul do Brasil. O estudo de diversidade alfa da assembleia de pequenos mamíferos não-voadores foi realizado em um fragmento de Floresta Ombrófila Mista (FOM) localizado no Jardim Botânico de Faxinal do Céu (Pinhão/PR). A partir da fauna amostrada, foram avaliados os atributos de riqueza (S), abundância relativa (AB), índice de constância (IC), diversidade de Shannon (H’) e diversidade filogenética (DP) e funcional (DF). O estudo de diversidade alfa e beta regional foi realizado a partir de revisão bibliográfica da distribuição da comunidade de pequenos mamíferos não-voadores na Mata Atlântica do Sul do Brasil, a qual resultou em 15 localidades. Foram avaliados os mesmos parâmetros, com exceção de AB, IC e H’, para todas as localidades. Além disso, foram realizadas análises de Cluster utilizando o coeficiente de similaridade de Jaccard, análise de correspondência canônica (CCA) com o objetivo de relacionar as variáveis ambientais das localidades com as métricas de diversidade e as espécies amostradas e análise regressão entre a similaridade e distância entre as localidades no software Past. Na diversidade alfa, foram registrados quatro táxons, sendo Akodon sp. o mais abundante e comum, os demais foram considerados raros. Os maiores valores S, AB e DF foram observadas no estrato solo. Na diversidade alfa e beta para a região Sul foi observado que houve variação nos atributos de riqueza, diversidade funcional e diversidade filogenética entre as áreas. As localidades formaram quatro grupos com similaridade de 50%. Na CCA, a temperatura obteve associação com DP e Didelphis albiventris e Nectomys squamipes, enquanto que a área foi relacionada com DF e Akodon montensis e Oligoryzomys nigripes e precipitação e altitudes relacionou-se com S e Sooretamys angouya. A regressão demonstrou que 13% da similaridade pode ser explicada pela distância geográfica. A alta abundância de Akodon sp. pode ser influenciada pela alta distribuição e abundância das espécies deste gênero na Mata Atlântica. A relação observada entre algumas variáveis ambientais e as espécies foram principalmente em relação a disponibilidade de recursos. O presente estudo demonstrou a distribuição de algumas espécies em um fragmento de FOM no estado do Paraná, bem como evidenciou as relações entre a distribuição e diversidade da assembleia de pequenos mamíferos não-voadores e as variáveis ambientais de suas localidades.
Abstract: The understanding of the biodiversity patterns of the small non-flying mammals of the Atlantic Forest is of fundamental importance for the conservation of this biome. However, these standards are still not fully understood, especially in relation to the different diversity metrics. From this, this study aimed to analyze the alpha diversity of an assembly of small non-flying mammals of a fragment of Araucaria Forest; to evaluate the alpha and beta diversity of assemblages of small non-flying mammals in the Atlantic Forest of southern Brazil. The alpha diversity study of the assembly of small non-flying mammals was carried out in a fragment of Araucaria Forest (FOM) located in the Botanical Garden of Faxinal do Céu (Pinhão/PR). From the sampled fauna, the attributes of richness (S), relative abundance (AB), constancy index (CI), Shannon diversity (H ') and phylogenetic (DP) and functional diversity (DF) were evaluated. The study of regional alpha and beta diversity was carried out based on a bibliographical review of the distribution of the community of small non-flying mammals in the Atlantic Forest of Southern Brazil, which resulted in 15 localities. The same parameters were evaluated, except for AB, IC and H', for all localities. In addition, cluster analyzes were performed using Jaccard's similarity coefficient, canonical correspondence analysis (CCA) with the objective of relating the environmental variables of the localities with the diversity metrics and the species sampled and analysis regression between similarity and distance between locations in the Past software. In alpha diversity, four taxa were recorded, being Akodon sp. the most abundant and common, the others were considered rare. The highest S, AB and DF values were observed in the soil stratum. In the alpha and beta diversity for the South region it was observed that there was variation in the attributes of richness, functional diversity and phylogenetic diversity among the areas. The localities formed four groups with similarity of 50%. In the CCA, the temperature was associated with DP and Didelphis albiventris and Nectomys squamipes, while the area was related to DF and Akodon montensis and Oligoryzomys nigripes and precipitation and altitudes related to S and Sooretamys angouya. The regression showed that 13% of the similarity can be explained by the geographic distance. The high abundance of Akodon sp. can be influenced by the high distribution and abundance of the species of this genus in the Atlantic Forest. The observed relationship between some environmental variables and species was mainly in relation to the availability of resources. The present study demonstrated the distribution of some species in a FOM fragment in the state of Paraná, as well as the relationships between the distribution and diversity of the assembly of non-flying small mammals and the environmental variables of their localities.
Palavras-chave: Didelphimorphia
Rodentia
Diversidade Funcional
Diversidade filogenética
Didelphimorphia
Rodentia
Functional Diversity
Phylogenetic Diversity
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS
CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOLOGIA GERAL
CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA
CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA
CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOQUIMICA
CIENCIAS BIOLOGICAS::MICROBIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual do Centro-Oeste
Sigla da instituição: UNICENTRO
Departamento: Unicentro::Departamento de Biologia
Unicentro::Departamento de Ciências Agrárias e Ambientais
Programa: Programa de Pós-Graduação em Biologia Evolutiva (Mestrado)
Citação: Stürmer, Fabiana de Fátima. DIVERSIDADE ALFA E BETA DE PEQUENOS MAMÍFEROS NÃOVOADORES DA MATA ATLÂNTICA NO SUL DO BRASIL. 2019. 44 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Biologia Evolutiva - Mestrado) - Universidade Estadual do Centro-Oeste, Guarapuava - PR.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/1270
Data de defesa: 19-Feb-2019
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Biologia Evolutiva

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Fabiana de Fátima Stürmer.pdfDissertação - Fabiana de Fátima Stürmer1,6 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.