???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/1188
Tipo do documento: Dissertação
Título: CAPACIDADE COMBINATÓRIA DE PROGÊNIES S3 DE MILHO EM TOPCROSSES COM DIFERENTES TESTADORES PARA FORRAGEM E GRÃOS
Título(s) alternativo(s): Combining ability of S3 maize progenies in top crosses with different testers to forage and grains
Autor: Silva, Carlos Augusto da 
Primeiro orientador: Faria, Marcos Ventura
Resumo: O milho é a espécie mais adequada para a produção de forragem para fins de ensilagem e a obtenção de novas linhagens e híbridos com aptidão forrageira, a partir de populações geradas de híbridos comerciais, é uma estratégia viável. Este trabalho teve como objetivo selecionar progênies S3 de milho, obtidas a partir do híbrido AS1572, quanto à capacidade de combinação para caracteres relacionados à produção e qualidade bromatológica da forragem e produtividade de grãos, em topcrosses com três testadores e avaliar a eficiência dos testadores. Foram obtidas 45 progênies S3, as quais foram cruzadas com os testadores AG8025, 70.H26.1 e MLP102, formando assim 3 experimentos, conduzidos em área contígua em blocos ao acaso com duas repetições, avaliados na safra 2014/2015 nos ambientes de Guarapuava e Rio Bonito do Iguaçu, no Paraná. Avaliou-se altura de espiga, altura de planta, florescimento masculino, produtividade de grãos, stay green, ciclo de forragem, teor de fibra insolúvel em detergente neutro, teor de fibra insolúvel em detergente ácido, produtividade de massa seca e digestibilidade in situ da forragem. Realizou-se a análise de variância individual e conjunta dos topcrosses e a análise dialélica parcial individual e conjunta entre as progênies (grupo 1) e testadores (grupo 2). Estimaram-se os componentes da variância e parâmetros genéticos para cada topcross em cada ambiente. Para os caracteres agronômicos e produção de grãos destacaram-se as progênies 1.1, 15.3, 22.1, 31.3, 47.1, 57.2, 57.4, 71.1, 74.4, 79.2, 88.1, 88.4 e 90.2 e os híbridos topcrosses TC2-1.1, TC2-52.3, TC3-9.1, TC3-26.1, TC3-59.1, TC3-61.2 e TC3-90.2 em Guarapuava e TC2-8.2, TC3-21.1, TC3-47.1, TC3-49.1, TC3-74.4 e TC3-88.4 em Rio Bonito do Iguaçu. Já para os caracteres relacionados à produção e qualidade da forragem destacaram-se as progênies 1.1, 22.1, 29.1, 31.3, 65.5, 79.1, e 88.1 em Guarapuava, 4.1, 15.3, 24.1, 39.1, 47.1, 51.1, 57.2 e 90.2 em Rio Bonito do Iguaçu e as progênies 3.1, 17.2, 19.1, 45.1, 48.1, 62.2 e 88.4 em ambos os ambientes. Os testadores AG8025 e 70.H26.1 proporcionaram maior exploração da variabilidade existente entre as progênies para os caracteres forrageiros, enquanto o testador MLP102 foi o mais adequado para classificar as progênies quanto a AE e AP em ambos os ambientes e para FM e PG em Rio Bonito do Iguaçu. O testador AG8025 destacou-se na seleção das progênies para FM e PG em Guarapuava.
Abstract: Maize is the most suitable species for forage production for silage purposes and the obtain new lines and hybrids with forage objective from populations obtained from commercial hybrids are viable strategy. This study aims to select S3 progeny maize, for the combining ability of forage, grains and bromatological quality characters and promising testers to the discrimination of the progenies through the genetic and phenotypic parameters of the topcrosses and estimates of the combining ability of testers. The 45 S3 progenies were obtained, which were cross-checked with the testers AG8025, 70.H26.1 e MLP102. Thus forming 3 essays conducted in randomized blocks with two replicates. Evaluated in the 2014/2015 harvest in the environments of Guarapuava and Rio Bonito do Iguaçu, in Paraná State. It was evaluated spike height, plant height, male flowering, grain yield, stay green, forage cycle, neutral detergent insoluble fiber, acid detergent insoluble fiber, dry matter yield and forage digestibility. Was performed individual and joint analysis of variance and individual and joint partial diallelic analysis, we estimated the components of the variance and genetic parameters for each topcross in each environment. The progenies 1.1, 15.3, 22.1, 31.3, 47.1, 57.2, 57.4, 71.1, 74.4, 79.2, 88.1, 88.4 and 90.2 and hybrids TC2-1.1, TC2-52.3, TC3-9.1, TC3-26.1, TC3-59.1, TC3-61.2 e TC3-90.2 in Guarpauava and hybrids TC2-8.2, TC3-21.1, TC3-47.1, TC3-49.1, TC3-74.4 e TC3-88.4 in Rio Bonito do Iguaçu were stood out for the characters related to grain yield. As the characters related to forage production, the progenies 1.1, 22.1, 29.1, 31.3, 65.5, 79.1, e 88.1 in Guarapuava, the progenies 4.1, 15.3, 24.1, 39.1, 47.1, 51.1, 57.2 e 90.2 in Rio Bonito do Iguaçu and the progenies 3.1, 17.2, 19.1, 45.1, 48.1, 62.2 e 88.4 in both environments were stood out. The AG8025 and 70.H26.1 testers provided greater exploration of the existing variability for forage characters. While the MLP102 tester was the most adequate to classify the progenies as AE and AP in both environments and for FM and PG in Rio Bonito do Iguaçu and the tester AG8025 stood out in the selection of progenies for FM and PG in Guarapuava.
Palavras-chave: Zea mays L
índice Z
FDN
FDA
dialelo parcial
Zea mays L
Z index
NDF
ADF
partial diallelic
Área(s) do CNPq: CIENCIAS AGRARIAS
CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual do Centro-Oeste
Sigla da instituição: UNICENTRO
Departamento: Unicentro::Departamento de Agronomia
Programa: Programa de Pós-Graduação em Agronomia (Mestrado)
Citação: Silva, Carlos Augusto da. CAPACIDADE COMBINATÓRIA DE PROGÊNIES S3 DE MILHO EM TOPCROSSES COM DIFERENTES TESTADORES PARA FORRAGEM E GRÃOS. 2017. 86 f. Dissertação (Programa de Pós-Graduação em Agronomia - Mestrado) - Universidade Estadual do Centro-Oeste, Guarapuava - PR.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.unicentro.br:8080/jspui/handle/jspui/1188
Data de defesa: 10-Mar-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CARLOS AUGUSTO DA SILVA.pdfCARLOS AUGUSTO DA SILVA2,53 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.